16 de Setembro de 2009
Por José Manuel Costa

Ontem foi um grande dia para a sustentabilidade e para o Grupo GCI, Quercus e Agência Portuguesa do Ambiente, organizadores da segunda edição do Green Project Awards (GPA). A sala cheia do Grande Auditório da Culturgest é sinónimo que a palavra sustentabilidade faz sentido para os convidados e parceiros do GPA e para os mais de 400 candidatos que, em dois anos, quiseram partilhar com a sociedade a relevância do que estão a fazer.

 

É uma convicção partilhada pelos parceiros e pelo júri, porque acreditaram neste projecto que já tem uma dimensão e abrangência inéditos em Portugal. A todos o meu reconhecimento e obrigado pelo apoio e contributo.

 

Numa altura em que se discute o que temos que fazer pelo futuro do Planeta, a sustentabilidade é, acima de tudo, uma atitude, como ontem tive a oportunidade de referir durante a cerimónia.

 

Uma atitude de preservar, de ser ecológico, solidário e ambientalmente responsável. É isto que as gerações futuras esperam de nós. E é algo que temos que reaprender, que é preciso encaixar nos ritmos de vida acelerados em que vivemos, que exige vontade e motivação.

 

Ser sustentável é uma determinação, muitas vezes, individual, e que nós, no nosso trabalho estratégico de comunicação, queremos influenciar. Porque comunicar é transmitir aos outros as melhores práticas, dar o exemplo, mostrar que é possível fazer bem e, igualmente, mudar comportamentos.

 

Para nós, sustentabilidade é uma palavra com sentido há já muito tempo. O sucesso dos Green Project Awards, a nossa participação no Green Festival – que se realiza também este mês e para o qual obtivemos a distinção do Alto Patrocínio do Sr. Presidente da República – os resultados do trabalho com os nossos clientes, as nossas práticas no dia-a-dia.

 

Quero, pessoalmente, contribuir para que o futuro seja sustentável. Conto utilizar os conhecimentos que tenho, na minha área de negócio, para levar esse propósito ao maior número de pessoas. Acho que não é pedir demasiado, que cada um de vós faça o mesmo.

 

Se não conseguiu estar presente na cerimónia pode rever aqui como ela decorreu, as intervenções do Ministro da Economia e das Finanças, Fernando Teixeira dos Santos, do Ministro do Ambiente, Francisco Nunes Correia, e do presidente executivo da Sonae, Paulo Azevedo, assim como a apresentação dos vencedores e menções honrosas.


| ... e mais assim! | partilhar

Perfil
Pesquisa
 
Artigos recentes

Confiança – um longo cami...

Os projectos que derrotam...

Nutrition Awards: renovaç...

GPA Brasil: nova edição a...

Portugal, Brasil e as par...

Integração

Expansão lusófona

Economia Verde: o novo pr...

Cooperação brasileira

Dan Edelman (1920-2013)

Ligações
Arquivo

Janeiro 2015

Junho 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Categorias

todas as tags

Subscrever feeds