Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

José Manuel Costa

José Manuel Costa

Mobilidade sustentável: da teoria à prática

07.10.09, José Manuel Costa

Depois de dois anos de consulta pública, a Comissão Europeia aprovou finalmente o plano de mobilidade sustentável, que propõe 20 medidas para ajudar as autoridades locais, regionais e nacionais a melhorar a mobilidade urbana sustentável.

 

Este plano vem colocar novas responsabilidades sobre as autoridades locais e regionais na questão da mobilidade sustentável. É verdade que eventos e projectos como o Dia Europeu Sem Carros ou a Semana Europeia da Mobilidade traçaram o caminho a seguir, mas agora chegou a altura de colocar em prática toda a doutrina existente sobre este tema. Com acções concretas.

 

Em Portugal, este plano não poderia ter tido melhor timming de aprovação. Dentro de quatro dias realizam-se as eleições autárquicas e é interessante ver como em Lisboa, por exemplo, candidatos como António Costa e Pedro Santana Lopes colocaram o tema da mobilidade sustentável entre as prioridades dos seus programas. Por alguma – e relevante – razão isto acontece. Esperemos que, ganhe quem ganhar, da teoria se passe rapidamente à acção.

 

Nos meus últimos textos tenho realçado (à boleia, é certo, de dois eventos co-organizados pelo Grupo GCI, o Green Project Awards e o Green Festival) a questão da sustentabilidade – nas suas vertentes social, ambiental e económica.

 

A mobilidade sustentável faz parte deste leque de temas e deve ser encarada como um dos três principais problemas da cidade de Lisboa – ou de qualquer outra grande cidade europeia, com agora a União Europeia reconhece. E por isso deve ser tratada com a importância que merece.