Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

José Manuel Costa

José Manuel Costa

Bicicletas

23.09.08, José Manuel Costa
Uma nova “velocidade” para a cidade de Lisboa  Amanhã será discutida na Câmara de Lisboa a introdução, em 2009, das ciclovias, incentivo e sensibilização no uso das bicicletas. Um projecto que seguramente contribuirá para a sustentabilidade e mobilidade na cidade das sete colinas. Acompanharemos assim cidades europeias como Paris, Lyon, Barcelona e Sevilha. Actualmente, em Paris, as ciclovias totalizam 371 km, sendo este sistema utilizado especialmente para pequenas (...)

Vocação

22.09.08, José Manuel Costa
Somos ou não um País com vocação para os Serviços?   Não. Senão vejamos:   Acabou de abrir em Lisboa um restaurante, de cozinha italiana (a minha preferida), chamado  “Bocca”. Excelente ideia, numa cidade onde não existem grandes novidades. Mas… nem sempre as boas ideias são bem materializadas!   A carta enuncia Menu de degustação até às 22 horas, mas basta chegar cinco minutos depois da hora para o cliente ouvir “já não pode”. Hora e (...)

Decididamente Lisboa!

15.09.08, José Manuel Costa
Ontem à noite, Portugal voltou a justificar o porquê de estar definitivamente na rota dos grandes acontecimentos. Para além de ter recebido pela terceira vez a "Rainha da Pop" e de Madonna ter sido aplaudida por 75 mil pessoas, o espectáculo no Parque da Bela Vista revelou uma vez mais a capacidade da capital para atrair concertos de artistas internacionais. Sobre o concerto, uma nota apenas: assumiu dimensão pró-ambiente e foi certificado com o símbolo 100R da Sociedade (...)

Late-night Lisbon

03.09.08, José Manuel Costa
A nossa Lisboa está retratada aqui de uma forma tão simples e tão real que dá vontade de dizer: Obrigado Ana Marques por esta viagem à “My beautifil, late-night Lisbon”.   Filha de portugueses que um dia partiram para o Canadá, esta professora que elegeu Portugal para viver e trabalhar relata no Financial Times o dia-a-dia de um povo, do modo como age e (...)

Lisboa, Chiado de 2028

26.08.08, José Manuel Costa
Lisboa de 2008 tem muito pouco da capital de Portugal de 1988. Desde o dia em que o Chiado acordou em chamas muita coisa mudou no País. Da política, à economia, da cultura ao desporto muita coisa mudou em 20 anos, o tempo que o Chiado necessitou para sorrir.   Em duas décadas Portugal viu chegar as grandes superfícies e os centros comerciais, assistiu à privatização da banca, dos seguros, integrou o sistema monetário europeu, formou campeões, ergueu a Expo'98, organizou o (...)